Febre Amarela: Vacinação em massa contra é descartada no Rio

Órgão público procurou acalmar os cariocas | Foto: Pixabay

A Secretaria Municipal de Saúde desmentiu a necessidade de vacinar toda a população do Rio de Janeiro contra a Febre Amarela.

A preocupação surgiu na cidade depois que mais de 200 casos suspeitos em Minas Gerais foram levantados.

Em nota enviada a imprensa o órgão municipal de saúde esclarece não há nenhum caso da infecção viral na cidade do Rio de Janeiro e que “portanto, não há necessidade de vacinação indiscriminada, feita em larga escala, para toda a população”.

De acordo com a Secretaria só devem ser vacinadas as pessoas que tenham passado por avaliação e tenham indicação médica para receber a vacina, assim como as pessoas que estão com viagem agendada para locais com registros da doença, como Minas Gerais, Amazonas, Pantanal e outros países como Colômbia, Bolívia, Equador e Peru, entre outros.

Dúvidas ou outras informações sobre a doença e a disponibilidade da vacina podem ser consultadas por meio da central de atendimento da Prefeitura no telefone 1746, no site da SMS (http://www.rio.rj.gov.br/web/sms) ou em qualquer unidade da rede de Atenção Primária (Centros Municipais de Saúde e Clínicas da Família).

Acesse as novidades da Barra da Tijuca

→ Fique por dentro da agenda da Barra e arredores