Flamengo estuda fazer estádio na Barra. Será que vai para a frente?

Sem estádio, rubro-negro usará campo na Ilha | Foto: Divulgação

O Clube de Regatas do Flamengo estuda a construção de um estádio de futebol próprio na Barra da Tijuca.

De acordo com veículos especializados em futebol o terreno teria 120 mil m² e é considerado como “perfeito” para a uma construção dessa magnitude.

O projeto seria uma forma de substituir o estádio Maracanã, uma vez que palco das finais de 1950 e 2014 segue com problemas por conta da grave crise financeira do Estado do Rio de Janeiro e a concessionária Odebrecht.

De acordo com as informações o terreno na Barra da Tijuca é monitorado por parceiros do clube. Um dos responsáveis pelo projeto seria o vice-presidente de patrimônio Alexandre Wrobel, que teria se reunido por duas ocasiões com proprietários de terreno na Barra.

O dirigente não se estendeu ao comentar o assunto, lembrando que, apesar da disposição do Flamengo em dar pontapé na construção do estádio, ainda está em estágio inicial:

– O negócio ainda é muito embrionário, várias possibilidades vêm sendo estudadas, mas não tenho dúvidas de que estamos caminhando no sentido de resolver definitivamente a questão da nossa própria casa – disse Wrobel ao GloboEsporte.com.br.

Enquanto segue sem estádio o time rubro-negro utilizará a Arena da Ilha do Governador, na Zona Norte, para mandar os jogos na temporada.

 

Confira outros destaques da Barra da Tijuca

Lembre a história da Barra 

Confira outras entrevistas