Kelly Key . A cantora e agora apresentadora da Rede Record em entrevista exclusiva para o projeto Sucesso em poucas palavras

foto_kelly_key

Por: Celso Fortes

O que levou a escolher sua profissão?
Desde pequena brincava com meu irmão de apresentar programa de televisão. Fazia minha própria programação de TV. Minha família percebeu que eu gostava disso e tinha jeito então comecei como modelo participava de vários desfiles e com o tempo as coisas ficaram sérias….

As maiores dificuldades no início?
O preconceito e a minha vida exposta.

As facilidades?
No início fiquei surpresa com o tanto de coisas que ganhava não só de fãs como também de empresas.

As maiores lembranças do início de tudo?
Até hoje quando canto baba passa um filme na minha cabeça, pois lembro de momentos únicos e difíceis. No inicio nos fazíamos shows em cima de engradados com uma madeira em cima. Eu e meus bailarinos. Fazíamos shows quinta, sexta, sábado e domingo.

O que você gostaria de saber na época que agora sabe?
Não deixar grandes oportunidades passar achando que elas um dia podem voltar, porque não voltam!

Obstáculo da profissão?
A minha vida exposta.

O relacionamento entre profissionais como você, existe uma união?
Sim. Não tenho uma amizade mesmo, tenho conhecidos que falamos pelo telefone as vezes pois é muito difícil encontrar essas pessoas, manter uma relação de amizade forte é mais ainda.

Primeiro passo para se tornar um profissional como você?
Determinação, profissionalismo e pensamento positivo sempre.

Formação acadêmica?
Eu terminei o 2º grau gostaria muito de fazer veterinária mas nunca sobra tempo!

Muitos buscam o caminho do descolado de aprender praticando ao invés da formação acadêmica, funciona?
Acho que se existe o curso acadêmico é necessário faze-lo. Porém a prática é muito importante, mais ainda se você tem uma base teórica para realizá-lo.

Maior recompensa da profissão?
O reconhecimento do público, o número de pessoas que querem o meu bem e muitas eu não conheço. E fazer o que se gosta também não tem preço.

Se não tivesse a atual profissão, o que você seria?
Veterinária

Uma dica de um futuro sucesso?
Guga Sabatiê.

kelly-record