Cidade das Artes recebe duas apresentações da peça ‘Selfie’

Peça sucesso de público fará duas apresentações na Barra da Tijuca / Foto: Divulgação

Reflexões e indagações acerca dos valores sociais e morais contidos nos meios de comunicação; as relações distorcidas entre pessoas e o que elas buscam com essas exposições.

É para tocar neste mote que a peça de teatro “Selfie” estará disponível para uma dupla apresentação neste sábado (9) e domingo (10) na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca.

Com direção de Marcos Caruso e texto de Daniela Ocampo, a comédia fala da febre contemporânea da autoexposição e da necessidade de estar online acompanhando tudo e todos.

– O que me move para aceitar um trabalho no teatro é a paixão por uma ideia. Dirigir Selfie me proporciona discutir um tema extremamente contemporâneo. Tenho absoluta certeza de que o excelente texto de Dani Ocampo, as deliciosas e impecáveis interpretações de Mateus Solano e Miguel Thiré, somados à qualidade da equipe que compõe este espetáculo, levarão a plateia a momentos de muita diversão, emoção e reflexão sobre uma questão fundamental da sociedade atual – diz Marcos Caruso, que trabalha pela primeira vez com a dupla de atores Mateus Solano e Miguel Thiré.

Esta observação do comportamento contemporâneo foi o ponto de partida de Mateus Solano e Miguel Thiré para a criação de uma comédia ágil e dinâmica, em que os atores interpretam diversos personagens facilmente reconhecíveis por todos nós.

Desde que estreou, em outubro de 2014, a comédia já teve mais de 250 apresentações e 250 mil espectadores em três anos de sucesso no Brasil, Estados Unidos e Portugal

SINOPSE

A peça conta a história de Claudio, (Mateus Solano) um homem superconectado que armazena toda a sua vida em computadores, redes sociais e nuvens.

Debruçado sobre um projeto de criar um sistema único para armazenamento de todos os dados de uma pessoa, vê seu sonho ir água abaixo quando deixa cair um café em seu equipamento, que sofre uma pane e apaga tudo.

Ele então torna-se um homem sem passado, já que não se lembra de nada, pois toda sua memória era virtual.

A partir daí, Claudio inicia uma saga em busca da memória perdida, recorrendo a vários personagens de sua vida (onze, ao todo, vividos por Miguel Thiré) para reconstituir sua história.

Serviço:

Datas: 09/06 a 10/06

HORÁRIOS:

Sábado – 21h

Domingo – 18h

LOCAL: Cidade das Artes – Grande Sala

CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA: 12 Anos

PREÇOS: A partir de : R$ 50,00 – Ingressos AQUI.

Endereço: Av. das Américas, 5300 – Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, 5300

→ Saiba toda a agenda da Barra da Tijuca

Fique por dentro de todas as novidades do bairro

Acompanhe os principais destaques da Barra