Pré-carnaval traz mais de 6t de lixo na Barra; saiba como denunciar ‘sujões’

Barra foi responsável por cerca de 10% do lixo produzido no Carnaval da cidade | Foto: Divulgação

Você que acompanha o Barra da Tijuca.com.br ou frequenta o bairro sabe. Os primeiros blocos de Carnaval já começaram a agitar o final de semana na Barra da Tijuca.

Infelizmente não é só a alegria e a descontração dos foliões que chega ao bairro, mas também a falta de consciência de alguns que despejam lixo pelas ruas.

Números da Comlurb mostram que somente no fim de semana passado foram despejados mais de 6 toneladas de lixo em apenas dois blocos, o “Do Samba” e a “Banda da Barra”.

Se levarmos em consideração os números da Prefeitura do Rio, apenas nos últimos três dias o público presente na Barra da Tijuca foi responsável por cerca de 10 por cento de todo o lixo produzido (61 toneladas) com o Carnaval em toda a cidade.

Repressão

Por conta dos maus hábitos, somente neste fim de semana de pré-carnaval, 306 pessoas foram multadas pelos agentes do programa Lixo Zero por urinar nas ruas e 244 por descartar pequenos resíduos, totalizando 550 multas.

Na sexta-feira (17/02), 77 pessoas foram multadas por urinar nas ruas e 57 por descartar pequenos resíduos, totalizando 134 multas. Sábado (18), foram 95 multas por urinar nas ruas e 77 pelo descarte irregular de lixo, com um total de 172 multas. Já no domingo (19), 134 pessoas foram multadas por urinar nas ruas e 110 por descarte de pequenos resíduos, com o total de 244 multas.

Os agentes do Programa Lixo Zero estão nas ruas para orientar as pessoas a não sujarem as vias pública, fiscalizando quem descumpre a Lei de Limpeza Urbana. Os foliões que vão brincar o Carnaval de Rua devem ter mais cuidado com os pequenos resíduos irregularmente descartados e devem evitar urinar nas calçadas, vias e canteiros. O programa não vai parar durante os dias de folia e fiscalizará muitos blocos da cidade.

O programa conta com 235 equipes, formadas por um agente de fiscalização da Comlurb e um guarda municipal, atuando nos blocos, nas ruas dos desfiles e nos entornos. Caso o folião seja pego em flagrante urinando em via pública pelas equipes de fiscalização, será passível de multa no valor de R$ 548,00, conforme o novo Artigo 103-A da Lei de Limpeza Urbana. Para descarte de pequenos resíduos, o valor da multa é de R$ 200,00.

Atuação pública

A Prefeitura do Rio afirma que mais de 100 blocos ocuparam as as ruas da cidade neste fim de semana. Após os desfiles das agremiações, a Comlurb removeu 61 toneladas de lixo, garantindo a limpeza com a logística especial, baseada no Protocolo de Blocos, que define o quantitativo de mão de obra, contêineres, equipamentos e veículos de acordo com o tamanho do bloco, garantindo maior eficiência e agilidade aos serviços. O sistema conta com até 1.100 garis por dia, 5.000 contêineres, 90 sopradores, 20 vaporizadores, além de 50 veículos entre caminhões compactadores, caminhões-pipas, kombis lava a jato, caminhões basculantes, mini varredeiras, varredeiras mecânicas e mini basculantes.

As equipes de limpeza fazem o serviço com sistema de manutenção permanente durante a evolução do bloco até a sua dispersão, quando realizam a varrição, a remoção dos resíduos e a lavagem das ruas e calçadas. Ao longo de todo o trajeto são instalados contêineres para garantir que o folião tenha local adequado para jogar seu lixo, evitando multas e colaborando com a limpeza.

Linha Verde, o Disque Denúncia do Meio Ambiente

Pouca gente sabe, mas o Disque-Denúncia tem a “Linha Verde”. Este serviço, desde o início do ano,  já recebeu mais de 48 denúncias informando locais onde há lixo acumulado. Em todo o ano de 2016, foram feitas 281 denúncias sobre esse assunto. É preciso que a população se conscientize e evite descartar irregularmente seu lixo.

Os foliões que vão brincar o Carnaval de rua em todo o Estado devem ter cuidado com os pequenos resíduos a fim de descartá-los de forma correta. Vale frisar que o Linha Verde, programa do Disque Denúncia específico para denunciar crimes ambientais disponibiliza seus telefones para que a população possa denunciar qualquer local onde há acúmulo de lixo ou onde ele seja descartado de maneira irregular. Anote os números e pule o Carnaval sem lixo: 2253 1177 ou 0300 253 1177 (para quem não morar na capital, custo de ligação local). O anonimato é garantido.

Acesse as novidades da Barra da Tijuca

→ Fique por dentro da agenda da Barra e arredores