Maior feira de Intercâmbio do mundo acontece nesse domingo

Representantes das embaixadas dos Estados Unidos, Canadá e Holanda devem ser os mais procurados | Foto: Divulgação

A EduExpo, maior feira de intercâmbio do mundo, acontece neste domingo, 19 de março, no Hotel Royal Tulip São Conrado, de 14h às 19h.

De acordo com os organizadores do evento somente no ano passado, cerca de 200 mil brasileiros buscaram a opção do intercâmbio para incrementar os estudos.

Com a queda da cotação do dólar e a consequente retomada dos gastos do brasileiro no exterior – segundo dados do Banco Central – a esperança é que haja um crescimento de 20% neste ano.

Portanto, no meio de tantas informações disponíveis na Internet, como decidir o destino ou calcular o que cabe no orçamento?

– Ao invés de fazer um curso de seis meses de inglês nos Estados Unidos, muitos reduziram para quatro meses ou mudaram a cidade ou país, para se adequar ao orçamento. Malta, por exemplo, é um dos destinos alternativos que está em alta para quem quer aprender inglês devido ao custo acessível – explica Júlio Ronchetti, presidente da FPP Edu Media.

– A EduExpo mostra as possibilidades para esse público e, ao mesmo tempo, oferece informações para ajudar a escolher a melhor opção. São 30 países representados além de 76 expositores, entre universidades, escolas de ensino médio, idiomas, colleges, agencias de intercâmbio, consulados e embaixadas – indica um comunicado da exposição.

Eles afirmam, por exemplo, que uma das vantagens para os visitantes é a possibilidade de ter contato direto com representantes das embaixadas e consulados dos países, como Canadá e Nova Zelândia, expositores exclusivos do EduExpo, além de Austrália, França, Alemanha, Holanda e Irlanda.

Novos públicos e destinos

Há quem também faça intercâmbio após o período universitário e estudantil. Segundo Júlio Ronchetti, presidente da FPP Edu Media, organizadora do evento, houve um crescimento na procura por outras modalidades deintercâmbio nessa faixa etária.

– É possível, por exemplo, fazer um curso de italiano conjugado com história da arte ou viver na França, aprender o idioma e cursar gastronomia – explica Júlio.

Para quem terminou o ensino médio e deseja uma experiência diferente, também há opções.

– Existem programas de um semestre acadêmico na Ásia para quem deseja um gap entre o ensino médio e a faculdade. Na Índia, Vietnã e Indonésia, há cursos sobre política, religião, liderança e cidadania global, por exemplo – informa Júlio.

Para quem não pretende ir tão longe, outro destino cada vez mais procurado para aprender inglês é a República de Malta, um arquipélago localizado no Mediterrâneo, próximo à Itália.

A entrada é franca – basta se cadastrar previamente pelo site www.eduexpos.com/intercambios. A EduExpo espera receber um público estimado de 16 mil visitantes, 15% a mais do que no ano passado.

Serviço:

EduExpo 2017 – Rio de Janeiro

Data: 19 de março

Local: Hotel Royal Tulip São Conrado (Avenida Aquarela do Brasil, 75 – Salão de Eventos)

Horário: 14h às 19h

Inscrições: gratuitas no site www.eduexpos.com/intercambios

→ Fique por dentro da programação da Barra da Tijuca

→ Saiba das novidades da região

→ Confira mais entrevistas com personalidades da Barra